NEWSLETTER
Cadastre-se para receber as novidades deste portal diretamente no seu e-mail!
X

5 brincadeiras para fazer com o seu bebê

Publicado em 15/12/2016 13:01
Categoria: Dicas
5 brincadeiras para fazer com o seu bebê

O estimulo a brincadeira deve acontecer desde os primeiros dias de vida do seu filho, já que é por meio dela que ele pode conhecer o mundo e se relacionar. "Essa exploração, principalmente do movimento, leva à consciência do próprio corpo e do todo. Quanto menor é a criança, mais movimento ela precisa. E quanto mais ela fica presa, menor é seu desenvolvimento", explica Maria Ângela Barbato Carneiro, coordenadora do Núcleo de Cultura e Pesquisas do Brincar da Faculdade de Educação da PUC-SP. Não sabe por onde começar a se divertir com seu bebê? Confira dicas:

 

1- Bexiga sobre o pano: Coloque uma bexiga sobre um tecido e assopre para que ela se movimente. Isso irá estimular a atividade ocular da criança, que acompanha a bexiga com os olhos, e a noção espacial. Se ela já souber engatinhar, estimule que vá até a bexiga e volte até você.

 

2- Cantigas: Ao ouvir sua voz cantarolando, seu bebê entenderá que a música também é uma forma de comunicação. E, além disso, terá contato com canções que fizeram parte da sua infância, o que aumentará o vínculo entre vocês.

 

3- Janela, janelinha, porta, campainha: Além de arrancar boas gargalhadas cada vez que transformar o nariz do bebê em campainha, você vai estimular sua noção espacial e consciência corporal.

 

4- Cadê? Achou: Ao desaparecer e aparecer, você ensina ao bebê que as coisas continuam existindo mesmo que elenão as veja. E, mais adiante, isso vai ajudá-lo a lidar com a ansiedade da separação, que começa por volta dos 6 meses de idade, quando os bebês percebem que eles e as mães são pessoas distintas e, portanto, reagem mais intensamente quando se separam delas.

 

5- Serra, serra, serrador: Prenda os dedos indicadores nas mãos do seu filho, segure-as com outros dedos para trás, aproxime seu rosto do dele e levante lentamente o tronco da criança. O objetivo é fazer com que o bebê tente erguer a cabeça, exercitando o controle sobre ela.

 

Fonte: Revista Crescer.

Escola Espaço da Criança - Todos os direitos reservados