NEWSLETTER
Cadastre-se para receber as novidades deste portal diretamente no seu e-mail!
X

Primeira infância: como estimular seu filho em cada idade

Publicado em 14/09/2017 11:50
Categoria: Dicas
Primeira infância: como estimular seu filho em cada idade

DURANTE A GESTAÇÃO

Você pode fazer muito por seu filho, ainda na barriga. A partir do terceiro mês de gravidez, o bebê já pode ouvir. Aproveite para iniciar hábitos que devem ser estendidos por toda a infância.

 

* Cante.

* Converse com ele.

* Conte histórias.

* Acaricie a barriga.

 

NO PRIMEIRO ANO DE VIDA

Atenção, conforto e vínculo são as palavras-chave nessa etapa.

 

* Dê carinho, atenção, amor, colo. Crie laços com o bebê.

* Amamente de forma exclusiva até 6 meses e complementar até os 2 anos.

* Cante, brinque. Uma simples troca de fralda é uma oportunidade de diversão.

* Converse, ainda que ele não saiba falar. Se resmungar de volta, responda, interaja.

* Conte histórias, leia livros infantis. Antes de dormir é um bom momento.

* Mostre a imagem dele refletida no espelho.

* Narre os eventos: explique o que você está fazendo quando troca a fralda; fale a cor da roupa que ele irá vestir; conte que apagou a luz porque é hora de dormir...

* Desligue a TV, saia do smartphone. Seu filho precisa da sua atenção integral.

* Dê um descanso. Permita que o bebê explore o ambiente por conta própria.

* Incentive seu filho a interagir com outros adultos e crianças.

* Garanta sua segurança, especialmente quando começar a engatinhar e a andar.

 

A PARTIR DE 1 ANO

A criança ganha mais independência, aprende a andar e a falar, e as opções de estímulo se ampliam. Tente algumas dessas.

 

* Faça intervenções durante a leitura. Você pode, por exemplo, questionar: “Já viu este animal?” e “Por que o patinho fez isso?”. Em seguida, é só ouvir as respostas.

* Criem histórias juntos e apresentem como uma peça de teatro ou com fantoches.

* Pergunte como foi o dia dela, o que mais gostou, o que não foi tão legal.

* Comece a pedir ajuda, ainda que mínima, com as tarefas de casa, de acordo com a idade e a capacidade do seu filho. Um bom começo é guardar os próprios brinquedos que estiverem espalhados.

* Dê o exemplo da leitura: não precisa esperar a criança dormir para ler seu jornal ou revista. É interessante que ela perceba que se trata de um hábito dos pais.

* Mostre, de maneira simples, que a escrita existe e é útil no dia a dia. Você pode dizer: “Estou fazendo a lista do mercado. Quer me ajudar a lembrar o que falta?” ou “O que você quer acrescentar?”

* Permita que a criança desenvolva trabalhos manuais, como pintura e desenho, disponibilizando um espaço adequado e uma grande variedade de materiais.

* Não são necessários brinquedos caros: tudo o que a criança precisa é da sua atenção e de um pouco de imaginação. Uma simples caixa pode virar uma espaçonave. Com o faz de conta, elas aprendem muito!

 

Fonte: Revista Crescer. 

Escola Espaço da Criança - Todos os direitos reservados